O que são os orixás e qual seu papel dentro da Umbanda?

A origem da palavra, bem como as funções dos orixás, carrega muita história.

Orixá é uma palavra conhecida, mas o seu significado nem tanto.

Antes da era cristã a nação africana conhecia o Olorum.

Olorum para eles era o grande criador do universo, o povo o conhecia como o “todo’’. Esse todo por sua vez seria: a natureza, os animais, os vegetais, os homens, os planetas,  e mais todos os alimentos que há na terra.

Quando acontece o culto de Orixás, o que está sendo cultuado na verdade são forças que vem da natureza: como a terra, o ar, o fogo, e etc.

Essas forças vindas da natureza em forma de Orixá produzem uma energia grande, chamada de axé. (, que) Segundo as religiões africanas, auxiliam no dia a dia, ajudando também com que o destino se torne mais favorável.

Cada elemento da natureza é representado por um Orixá diferente.

As pessoas que os cultuam, aprendem a sentir e a manipular as energias que cada Orixá produz.

Vamos dar exemplos para que o leitor entenda melhor essa manipulação, e o sentimento dessas energias.

Uma pessoa pode ter seu Orixá ligado às curas. Enquanto outra pessoa  pode ter seu Orixá mais ligado às energias de sentimentos, magia, etc. Essas energias vêm desde o nascimento.

As religiões que os  cultuam estão ligadas e integradas com a natureza pois acreditam que quanto maior for o seu contato com a natureza, mais o seu Orixá será desenvolvido.

Com o Orixá mais desenvolvido, acredita-se numa aproximação maior com o criador.

De acordo com esse credo, eles foram os primeiros seres que habitaram a terra.

No total existem 401 Orixás existentes, eles são divididos em duas qualidades: os  Funfuns e os Orixás de Predominância.

Orixás Funfuns: Os Orixás Funfuns são os seres que criaram o universo que vivemos, sendo assim também criaram o planeta Terra. Alguns exemplos são: Olorum, Aorum, Oorum, Aganju, Oloxum, Tempo, Ifá, mas ainda há muitos outros.

Orixás de Predominância: Os orixás de Predominância vieram dos Orixás Funfuns, com a função de habitar o planeta, e espalhar semelhantes pelo mundo.

Tiveram um tempo de estadia na terra, e durante esse tempo acredita-se que tiveram muitas experiências devido à força dos seus elementos. Essas experiências são citadas em lendas.

Depois que passaram pela terra, os Orixás de Predominância foram recolhidos. Nesse caso para assistir os desencarnados, contam com a ajuda de exus, caboclos, cadeia de espíritos, etc.

Os Orixás estão presentes dentro da Umbanda e dentro do Candomblé. Ambas as religiões com influências africanas trazidas para o Brasil no tempo da escravidão.

Embora as duas religiões tenham nascido no mesmo local, e dividam alguns aspectos em comuns, são religiões diferentes, e uma dessas diferenças pode ser percebida através dos Orixás.

Isso porque na Umbanda, representam energia, e tem como objetivo ajudar as pessoas durante as dificuldades que possam aparecer no cotidiano. Para a Umbanda eles  não possuem vida na terra.

Já no Candomblé,  podem ser incorporados, acontecendo à manifestação em entidades, ou guias dentro dos cultos.

Mas ambas partem do princípio que todas as pessoas possuem uma influência e uma proteção de determinado Orixá.

Entendendo melhor o que são os Orixás dentro da Umbanda

Dentro da Umbanda os Orixás são guias, e entidades representadas pela natureza.

Elas são aliados das pessoas, as ajudando, protegendo e guiando aqueles que nascem como seus filhos. Sabe- se somente qual orixá te protege e te guia após um ritual religioso.

Para fazer uma analogia, os Orixás são os que mais se aproximam dos santos católicos. Mas aqui a diferença é que dentro da religião católica somente a pessoa perfeita, aquela que literalmente merece estar em cima de um altar, consegue se tornar santo.

Na Umbanda, os guias são pessoas que possuem defeitos e qualidades, assim se aproximando de nós humanos.

Porém, diferente de nós, não tiveram uma vida física na terra, ou seja: não tiveram um corpo no universo.

Eles representam somente a natureza. Reforçando mais uma vez que, por conta disso, dentro da Umbanda não há incorporação de Orixás.

Orixás conhecidos que com certeza você já ouviu falar são: Iemanjá, Ogum, Oxalá e Oxum. Mas há outros que são conhecidos por quem frequenta a religião.

E se você gostou de entender melhor o que são os Orixás e a sua função dentro da Umbanda, não deixe de compartilhar esse artigo para que mais pessoas entendam sobre o assunto.

Confira também outros artigos em nosso site.

Relacionamento amoroso passando por problemas?

Com dúvidas sobre sua vida amorosa? Não tem certeza sobre o que esperar do futuro? Você e seu amor vão voltar? Faça uma consulta com nossos consultores e traga a paz de volta a sua vida.