Pemba é um giz de calcário que é usado na Umbanda para muitas coisas, principalmente para se riscar pontos no chão.

O que são pontos riscados?

São os pontos de força daquela entidade que está em terra, ela risca no chão com a Pemba na Umbanda, geralmente branca, os seus símbolos mágicos, de onde vem, de qual falange pertence.

Cada desenho feito com a Pemba neste ponto riscado tem um significado e uma utilização, ele pode retirar do local energias ruins, ele pode promover purificações, inversões de energias, e ou retornos das magias negativas.

Estes pontos riscados são verdadeiros portais por onde são levados todos os males que o consulente tem.

Estes pontos riscados estão ligados ao astral e podem atrair ou repelir energias.

Existe Pemba de várias cores, cada uma com seu fundamento, mas a que mais usamos na Umbanda é a Pemba branca, pois o branco serve para tudo.

conheça as melhores tarologas da web

Qual a importância de Pemba na Umbanda?

A Pemba na Umbanda é usada para muitas coisas, na verdade está presente em todos os atos ritualísticos, como casamento, batizados, trabalhos, mandalas, feitura de pai pequeno ou mãe pequena, na consagração do Ogam (tabaqueiro), amacis, curas, benzimentos, nos trabalhos magísticos, ou de imantação, cruzamentos e para consagrar objetos.

A Pemba na Umbanda está presente em tudo.

Ela é a ligação do mundo espiritual ao mundo material, onde as entidades de Luz utilização para realizar seus trabalhos, firmar suas energias no terreiro ou onde houver necessidade.

No atendimento do Preto velho é comum que a entidade faça com a Pemba cruzes nos pés, nas mãos, na nuca e na testa do consulente, como forma de protegê-lo e afastar o que estiver com ele.

Não existe nenhum trabalho que não seja usada a Pemba, dito giras de Umbanda, onde ocorrera o atendimento e consulta dos consulentes.

Club vida tarot

Pemba em Pó, para que serve?

Há terreiros que no momento de abrir os trabalhos, depois da defumação, pegam um pó de Pemba branca e assopram.

Qual a finalidade deste ato?

É o de cobrir, criar uma camada de proteção na cabeça dos médiuns e da assistência, um campo mineral.

Em um trabalho energético, devemos lembrar que as energias entram pelo chacra coronário, se ele estiver desprotegido, o médium pode não ter e nem receber as energias de suas entidades e acabar por assumir algumas energias negativas.

Este pó de Pemba, é feito pelo Pai da Casa que rala a Pemba e a consagra em seu congar.

Só depois de consagrado é que pode ser usado.

Já as Pembas das entidades que riscam seus pontos no chão ou utilizam em seus consulentes, estas são consagradas pela própria entidade.

Elas consagram baforando com seus charutos, cigarros ou cachimbos, e estas não precisam ficar no conga, podem ficar com os médiuns.

Como se consagrar uma Pemba?

Faça um círculo com a Pemba, coloque dentro do círculo a ou as Pembas a serem consagradas e acenda 7 velas uma de cada cor, menos a preta.

Faça uma oração pedindo a Deus e aos Orixás que consagrem aquela Pemba para que você possa usá-la com sabedoria e para ajudar o próximo.

Assim que todas as velas apagarem, basta retirar a Pemba, recolher os tocos das velas, e apagar o círculo com pano limpo e alfazema.

Guarde a Pemba dentro de um saquinho feito de pano, para ela não pegar nenhuma impureza.

E pronto, ela já estará pronta para ser usada.

seu relacionamento não vai bem?

Conclusão:

Como vimos neste artigo a Pemba é muito usada na Umbanda, em todos os seus rituais, mas não basta ter uma Pemba se ela não for consagrada, não tiver um espírito nela, se for assim, ela deixará de ser Pemba para ser apenas um giz.

Assim como não basta consagrar a Pemba e o médium não estar preparado para o trabalho que a Umbanda realiza.

Na Umbanda tudo tem fundamento, importância e um jeito certo de ser feito, se a Pemba é o que une o mundo espiritual ao mundo material, não podemos tratá-la de qualquer forma.

A magia que existe em sua escrita, cada ponto riscado é uma magia, um portal por onde as energias ruins são enviadas e as boas trazidas, tudo que estiver de errado em um terreiro ou trabalho, basta riscar um ponto de força e ajustar as energias.

A Pemba é tão importante que costumamos chamar os filhos da casa, de filhos de Pemba, porque fazemos da importância que a Pemba tem dentro dos nossos trabalhos.

Podem reparar que quando um trabalho de Umbanda vai começar, o chefe da Casa ou a entidade dirigente daquele trabalho, risca seu ponto logo na entrada da passagem para os passes e consultas. Quando o consulente passa por ele, algumas coisas já são retiradas e levadas para os seus devidos lugares.

Mas existe outra função e razão para este ponto riscado estar justamente na passagem da assistência para o atendimento, é para que nenhum espírito obsessor possa entrar nos trabalhos e atrapalhar.

Claro que contamos com a proteção dos Exus para nenhum obsessor passar, mas se escapar de Exu não escapará do ponto riscado.

Nós umbandistas temos até um ponto cantado para a Pemba na Umbanda, tamanha a sua importância.

Ele diz assim:

Deus salve a Pemba

Também salve a toalha

Salve a coroa

É de nosso Zambi é o maior

Salve a Pemba na Umbanda

Gostaram o artigo?

Se sim, compartilhe em suas redes sociais.

Ficou com alguma dúvida, ou quer fazer algum comentário ou sugestão?

Mande-nos um e-mail e teremos o maior prazer em responder.

Faça sua consulta gratuita no nosso tarot dos orixás grátis.