maio 24, 2021

Chakra frontal ou Chacra do 3º olho: Ajna Chakra

Características do Chakra Frontal

Chakra Frontal

Localização: No centro da testa, entre as sobrancelhas.

Função: Intuição, imaginação, previsão, visão espiritual.

Cor: Roxo, violeta ou índigo

Elemento: Luz

Sentido: Sexto sentido

Cristais e pedras: Ametista, fluorita, labradorita, lápis-lazúli, opala, sodalita, safira, zircão

Mantra: Aum

Nota musical: La

Animal: A simbologia não fornece um animal representativo para este chakra.

O Ajna é o nosso sexto chakra, também conhecido como chakra frontal ou do terceiro olho, pois está localizado bem no centro da testa, para sermos mais exatos na área entre as sobrancelhas.

Ele governa todos os órgãos localizados próximos a essa área, portanto os olhos, a hipófise, o sistema hormonal e o sistema nervoso central, constituído pelo cérebro e pela medula espinhal.

Seu nome sânscrito significa “perceber”, precisamente porque nossas ideias, presságios e nossa intuição se originam de seu centro. Nosso guru interior, ou nossa parte sábia e perspicaz, reside precisamente em correspondência com este chakra.

O Ajna, o chakra frontal, está de fato conectado a tudo relacionado à intuição, à imaginação criativa, à concentração e à lucidez mental.

É representado como uma flor de duas pétalas: geralmente uma letra sânscrita é inscrita em cada pétala ou, de outra forma, o sol é desenhado na pétala direita e a lua na esquerda. Na flor também há um triângulo com a ponta apontando para baixo.

O elemento que representa esse chakra é a Luz, uma fonte de energia e um símbolo do conhecimento. E a energia que o caracteriza é a da visão, que nos torna capazes de conhecer a realidade e interagir com o mundo.

As cores associadas a ele são o violeta, o índigo e roxo, associadas à espiritualidade e ao intelecto.

Ele promove nossa inteligência e é o chakra que, dependendo do grau de abertura, nos permite enxergar o mundo espiritual ou ter lampejos dele.

Sinais de problemas no chakra frontal

Sinais de problemas no chakra frontal

Quando o chakra frontal ou Ajna está bloqueado, no nível físico podemos encontrar problemas de visão com mais facilidade, apatia, depressão, fadiga crônica ou insônia e nervosismo.

Os olhos podem apresentar miopia e pode ocorrer glaucoma em casos mais graves, de desequilíbrio muito severo.

Em um nível psicológico, facilmente perdemos a memória e nos deixamos levar por pensamentos fugazes, sem importância, distraindo-nos facilmente com o menor estímulo.

Somos o tempo todo devorados por preocupações, ansiedades e medos e nos convencemos de que somos inúteis: também somos atingidos pela obsessão de medir e controlar qualquer coisa, impulsionados pelo materialismo e pela rigidez mental.

O maior risco que corremos é parar de sonhar e perder o idealismo, convencendo-nos a rejeitar qualquer ideia ou estímulo espiritual ou não vinculado a fatos tangíveis.

Se, por outro lado, o sexto chakra funciona excessivamente, nossa cabeça fica pesada: uma atividade mental incansável nos leva à impaciência e ao egoísmo, tornando-nos arrogantes e egocêntricos.

Nossa ambição prevalece sobre tudo, dificultando o relacionamento com os outros e levando-nos a uma visão distorcida do mundo e de nós mesmos, criada por ilusões sem sentido e falsas convicções.

A criatividade pode ficar travada. Nada ou quase nada do que criamos é original. Ficamos com a mente rígida e são poucas as ideias que conseguimos aproveitar.

Também podem ocorrer falhas na memória e impaciência, pressa de que tudo se realize de acordo com nossa vontade sem respeitarmos o tempo das coisas.

No campo espiritual, podemos começar a ter visões espirituais, mas negativas, de presenças e energias nocivas e desagradáveis.

Podemos ter experiências de viagens astrais em planos baixos.

Nossa percepção acaba se tornando fonte de pesadelos, que podem ser o tipo de sonho mais constante.

Quando o vórtice do chakra frontal gira em setido anti-horário, também é importante falarmos sobre isso, pode haver confusão mental. Você fica indeciso e pensamentos negativos tendem a dominar você.

Você pode ser manipulado com mais facilidade ou pode manipular os outros com ou sem intenção, fazendo com que realizem o que você quer. Só que cuidado: fazendo isso você irá infringir o livre-arbítrio alheis e depois poderá terque encarar consequências kármicas.

Sintomas que o Chakra frontal está equilibrado

Quando o sexto chakra, o chakra frontal, está aberto e equilibrado, a concentração e a intuição se beneficiam, juntamente com a capacidade de imaginar e dar vida ao que temos em nossa mente, uma habilidade que reflete uma profunda harmonia interior.

A energia do Ajna, do terceiro olho, nos torna mais conscientes da realidade ao nosso redor e nos permite conhecer a nós mesmos sem sermos condicionados por desejos ou necessidades de momento.

Somos capazes de perceber claramente o “aqui e agora” sem qualquer distorção; nos tornamos capazes de elaborar ideias, opiniões, discussões e julgamentos com um espírito crítico e racional.

Não ofendemos os outros com nossos conceitos, mas sabemos expor nossos pontos de vista da melhor forma.

Podemos começar a enxergar seres e realidades do plano espiritual se nos dedicarmos a isso. A meditação, entre outras coisas, pode nos abrir portas para percebermos que não somos apenas este corpo.

Nossa intuição fica afiada e podemos experimentar até mesmo sonhos premonitórios.

Exercícios para reequilibrar o chakra frontal

yoga

A meditação pura e simples, buscar esvaziar a mente e deixar de lado os problemas do dia a dia, já pode ajudar bastante este chakra.

De todo modo, alguns exercícios de yoga têm um efeito benéfico específico no chakra Ajna, o chakra frontal, esteja ele fechado ou excessivamente ativo.

São principalmente três.

1 –  Shambhavi Mudra (Shiva Mudra)

Mantendo os olhos semicerrados (sem fechar totalmente as pálpebras), olhe para a ponta do nariz.

Ao mesmo tempo, concentre-se em manter a respiração normal e não forçada. Isso o ajudará a relaxar a área correspondente ao chakra e a dissolver pensamentos desnecessários.

2 – Khechari mudra

Role a língua para trás, até que (idealmente) a ponta da língua toque o palato mole.

Através de Khechari Mudra, ambos os extremos, Muladhara e Ajna, se reúnem.

O Khechari Mudra ajuda a controlar emoções, fortalece a concentração e tem influência direta na Kundalini.

3 – Bhramari Pranayama

Sente-se em um ambiente confortável, com as costas retas. Tampe os dois ouvidos com os polegares e coloque os dedos indicadores nos olhos fechados. Os dedos do meio podem ser colocados livremente nas laterais do nariz. O dedo anelar e o dedo mínimo ficam acima e abaixo dos lábios e fecham a boca.

Inspire profundamente e prenda a respiração por alguns segundos. Agora pressione as laterais do nariz e deixe a respiração fluir lentamente, causando um leve zumbido. Repita este exercício sete vezes, uma após a outra.

Então permaneça nessa posição por 10 a 15 minutos, respirando normalmente. Concentre-se no fluxo de oxigênio dentro do seu corpo e ouça o som interno no nível da sua testa.



Marcello Salvaggio
logotipo amazon

Marcello Salvaggio


Sou escritor e pesquisador nas áreas da religião, da literatura, do misticismo e da história.
Considero a espiritualidade a chave fundamental para o entendimento de nossas vidas, para encontrarmos o verdadeiro sentido de nossa existência, e todo meu trabalho é orientado nesse sentido.
Tenho livros publicados no Brasil e na Itália e sou formado em Letras pela USP e auricoloterapia pelo instituto EOMA, escola especializada em acupuntura e em outros ramos da medicina tradicional chinesa.
No campo da terapia e do aconselhamento, considero essenciais a empatia e o respeito ao livre-arbítrio alheio.

Dúvidas no Amor?

Dinheiro?

Emprego?


Nossos Tarólogos Online respondem tudo!


A partir de R$ 9,90

Consultores VidaTarot

Coloque um ponto final nas suas dúvidas agora mesmo!


Veja também...

junho 1, 2021

maio 17, 2021

maio 10, 2021

>