maio 15, 2020

DEUSA HÉCATE – A RAINHA DAS BRUXAS

COMPARTILHE

Hécate, a rainha das bruxas. Assim é conhecida essa Deusa, nos tempos atuais da Bruxaria (principalmente na Wicca).

Hécate é uma deusa de muitos mistérios, alguns até ainda são ocultos pelas brumas do tempo, já que essa divindade fora cultuada há eras, longe de registros históricos.

Deusa Hécate – Surgimento

Deusa Hécate

Uma das hipóteses do surgimento da deusa, foi na Grécia antiga. Através de estudos, pesquisadores descobriram práticas e atividades de cunho religioso, ligados á divindade.

Mas os cultos á Hécate são muito mais antigos, foram posteriormente encontradas estatuetas e espaços devocionais na região da Anatólia (Turquia, nos dias atuais).

O que ocorreu foi que com a invasão territorial da Grécia, os gregos tomaram para si, cultos e divindades de certas regiões dominadas (assim como estudos revelaram também sobre a Deusa Afrodite, cultuada muito antes da Grécia, nas regiões da Ásia), depois os mitos e ritos foram inseridos e ficaram popularmente conhecidos e praticados pelos gregos e romanos.

Dependendo da fonte de pesquisa sobre essa deusa, serão encontradas muitas informações erradas. Informações sem fundamento, que ao longo dos anos tomaram força e deturparam a imagem da deusa.

Deusa Hécate – Deturpação da imagem

Hécate é a Senhora da Magia, dos Mistérios e Segredos sobre a vida e a morte.

Os gregos a associaram como guardiã do Reino de Hades, junto á Cérberus (o cão de três cabeças, guardião dos portais do submundo).

Em outras versões, ela seria filha de Nix (A Noite), vinda do Caos (o Nada que a tudo deu origem no universo).

Também existe um mito em que ela seria mãe de Circe, a Deusa das poções e metamorfoses.

Em Roma ela foi chamada por “Trívia”, a Deusa dos caminhos.

Mas vale ressaltar que essas são versões posteriores a sua origem mais antiga e desconhecida.

Ela é naturalmente associada com a noite, a lua, as sombras, aos caminhos, iniciações magísticas, tem ligação com animais como: os cães (dizem que ouvir cachorros latindo a noite ou vê-los, principalmente os de cores escuras, é um sinal de manifestação da deusa no local), mariposas, corvos, corujas, lagartixas, serpentes e todo tipo de animal ligado á magia e de hábitos noturnos.

A morte, como forma de passagem da vida ao plano astral, também é domínio de Hécate.

Ela acolhe todos aqueles que perambulam sem rumo, sejam os vivos ou mesmo os espíritos desencarnados, daqueles que vagam em busca de seus caminhos no pós vida.

Por essas regências incompreendidas, mentes ignorantes começaram a denominar Hécate como uma deusa ruim.

Na verdade, Hécate é portadora dos conhecimentos da vida e da morte (existem cultos á deusa, em que ela era invocada quando uma criança estava chegando ao mundo, para que a mãe pudesse dar a luz, tranquilamente. Era chamada de “Hécate Parteira”).

Deusa Hécate – Por que Rainha das Bruxas?

Deusa Hécate - Por que Rainha das Bruxas?

Pelos seus simbolismos, que se associam aos cultos e práticas da Bruxaria, Hécate tornou-se uma das principais deusas entre as bruxas.

Geralmente ela possui a imagem de uma mulher com três cabeças, representando as três faces da Grande Mãe na Bruxaria ou a Deusa Tríplice: a Jovem, a Mãe e a Anciã e a três principais fases da lua, cultuadas pelas bruxas (lua crescente, lua cheia e lua minguante).

O número 3 é poderoso em muitas religiões e filosofias, representa a trindade sagrada (como a Trimurti presente nos cultos aos deuses hindús) e na Bruxaria isso não é diferente.

Ás vezes, pode ser vista também como uma mulher mais velha (a sábia anciã), que possui os mais profundos conhecimentos da magia.

Os rituais destinados á Hécate, tem o objetivo de se expandir a consciência e a intuição, abrir portais de comunicação com vivos e mortos através de espelhos mágicos, abertura ou fechamento de caminhos, fazer novas escolhas na vida, desapegos, profecias, proteção, exorcismos e empoderamento.

Deusa Hécate – Principais simbolismos

Seu dia é 13 de Agosto, mas também é muito honrada em 31 de Outubro (Dia das Bruxas) e sempre que for necessário receber seu auxílio, é claro!

Hécate possui muitas faces e cada uma delas é carregada de símbolos. Alguns deles são:

Chave: representa o instrumento que abre ou fecha portas (oportunidades) em nossas vidas.

Tocha: representa a luz em meio a escuridão. Quando estamos perdidos diante dos desafios da vida, Hécate é chamada para nos trazer a clareza necessária.

Punhal: Instrumento de proteção e poder pessoal, utilizado para fazer decretos dos nossos desejos e também para fazermos “cortes” em situações da vida (desapegos).

Chicote ou Corda: um símbolo de Hécate utilizado com o intuito de “disciplinar”, a nós mesmos ou forças que nos auxiliam num feitiço ou ritual.

DEUSA HÉCATE - A RAINHA DAS BRUXAS

Strophalos (Roda de Hécate): é um instrumento utilizado para proteção, contendo o poder da Deusa, também serve como um amplificador de poderes na magia das bruxas e bruxos. Sua forma representa um labirinto com um espiral no centro e por isso deve ser utilizado com sabedoria, pois também representa um artefato de afugentar forças astrais e espíritos.

Correntes: outro instrumento mágico com o poder de “aprisionar” forças densas e energias ruins contra nós.

Máscara: Hécate também é uma deusa que “desmascara” alguém ou revela algum segredo em que necessitados saber a verdade.

Ervas: as principais utilizadas para intentos de proteção, expurgar o mal, exorcizar espíritos malignos e alterar os estados de consciência para desenvolver o psiquismo, são: açafrão, mandrágora (no Brasil é substituído por Gengibre), Mirra, Olíbano, Belladonna, Artemísia, Arruda e Alho.

Espelho Mágico e Espelho Negro: Os espelhos também são instrumentos poderosos que se associam á Deusa Hécate.

O Espelho Mágico é um portal para visões, profecias e projeções da mente. Já o Espelho Negro, é mais utilizado para ter visões de acontecimentos passados e comunicação com ancestrais.

Encruzilhada: Eu diria que este é o símbolo principal da deusa.

Hécate é a Senhora dos caminhos, ela nos ajuda quando precisamos fazer novas escolhas, tomar alguma decisão, quando estamos confusos, não enxergamos a solução e necessitados de um guia espiritual.

Pode ser associada a energia dos guardiões Exús, que abrem e fecham caminhos e nos orientam diante das dificuldades a nossa frente.

Deusa Hécate – Criando uma conexão

Hécate não é uma deusa indicada para se trabalhar de forma leviana (na real, nenhuma divindade merece ser encarada de tal modo), mas Hécate carrega fortes regências ocultas dentro da magia, portanto eu aconselho que se conecte de forma sutil, sempre com amor em seu coração, verdade e responsabilidade nas suas intenções.

Uma ótima conexão com essa deusa, é pedir seu auxílio diante de dificuldades em suas escolhas.

Utilize um tecido preto e cubra uma mesa ou mesmo estenda esse tecido no chão. Escreva em um papel branco o seu desejo, por exemplo: “Desejo esclarecer a dúvida sobre… (escreva sua dúvida)” ou “Desejo escolher entre…(isso) e (aquilo)”, use sua criatividade, mas seja direto, Hécate é uma deusa que trabalha com verdades, não se esqueça disso.

Dobre este papel e acenda uma vela branca sobre um pires, coloque-o sobre o tecido (na mesa ou no chão) e o papel abaixo do pires.

Medite sobre o feitiço, visualize a chama da vela como se fosse a luz da tocha da deusa.

Certamente você irá sonhar ou mesmo receberá sinais e aberturas de caminhos, que irão te guiar para que você faça as melhores escolhas. Confie!

Essa prática simples, nos coloca em contato para conhecer melhor a força dessa deusa e a forma como ela irá se manifestar para você.

Deusa Hécate – Feitiços práticos e eficientes

FEITIÇO DE PROTEÇÃO

FEITIÇO DE PROTEÇÃO

Em um papel, escreva seu nome completo e data de nascimento (opte por escrever com lápis).

Escreva também tudo que você sente como ameaça em sua vida (hábitos negativos, vícios, lugares, tipos de pessoas, energias, etc).

Pegue 9 dentes de alho e coloque em cima do papel, dobre-o com os dentes de alho dentro.

Acenda uma vela preta, pedindo:

“Assim como essa chama elimina essa vela, eu (diga seu nome completo e data de nascimento) peço que junto desta vela, tudo de ruim e negativo em minha vida (pense por um instante em tudo que você escreveu no papel), pelo poder dessa erva (mentalize os dentes de alho), eu peço que seja expurgado e exorcizado de minha vida, com o auxílio de Hécate.

Que assim seja e assim se faça!”

Deixe esse feitiço por 9 dias em algum altar para a deusa, com o tecido preto ou no chão, onde você decidir.

9 é um número de encerramento de ciclos.

No último dia, elimine tudo. Pode ser descartado no lixo convencional.

* Obs.: Faça esse feitiço numa noite de lua minguante (jamais na lua crescente ou cheia)

FEITIÇO PARA CONSAGRAR UMA CHAVE MÁGICA

Você vai precisar de uma chave virgem (nunca usada), compre uma bem bonita e consagre-a para a deusa Hécate.

Para isso, acenda uma vela branca e firme num pires. Peça que essa chave seja um instrumento de poder, assim como são as chaves de Hécate.

Acenda um incenso de mirra, olíbano ou artemísia.

Segure por um instante a chave entre as mãos e mentalize a imagem da deusa Hécate.

Quando sentir a energia, deixe a chave ao lado da vela.

Após a vela queimar por inteira, sua chave está purificada na energia da deusa.

Obs.: Faça esse feitiço numa noite de lua cheia.

FEITIÇO PARA ABERTURA DE CAMINHOS

Ao consagrar sua chave com o poder de Hécate, você pode escrever num papel um desejo que quer realizar.

Exemplo: um novo emprego ou promoção, um relacionamento amoroso, novas amizades, viagens, concluir estudos, ter boa saúde, etc.

Ao escrever seu desejo (lembre-se sempre de colocar seu nome completo e sua data de nascimento), dobre o papel e firme num pires uma vela de cor laranja que tem o poder de atrair desejos.

Deixe a vela no pires ao lado do papel.

Segure a chave e como se fosse destrancar uma porta, gire-a no sentido horário e diga:

“Com o poder da chave de Hécate, eu (diga seu nome completo e data de nascimento) peço que os caminhos e portas para o meu desejo (mentalize seu desejo), sejam abertos agora, com as bênçãos de Hécate!

Que assim seja e assim se faça!”

Deixe a vela queimar e aguarde a realização do seu pedido. Quando se concretizar, queime o papel.

Obs.: Faça numa noite de lua crescente ou de lua cheia (jamais na lua minguante).

Deusa Hécate conclusão:

Hécate é uma Deusa de muitas faces e ao longo dos anos foram distorcidos os seus simbolismos, assim como ocorreu com outras divindades e o culto da Bruxaria.

Tudo na antiguidade, que continha muito poder e mistério na magia, era tido como maligno, mas na realidade são fontes de grandes poderes para nos auxiliar em nosso bem estar e realização pessoal.

Essa é a real magia de Hécate, a Deusa dos caminhos, que nos guia para as melhores escolhas, nos mostra as verdades e amplia os nossos poderes psíquicos.

A Rainha das Bruxas, é a deusa que percorrer todos os planos da vida e da morte, seja no plano mais elevado dos deuses, no reino inferior dos mortos ou mesmo no plano terreno entre nós, os mortais.

Sempre que ouvir cães latindo e se deparar com uma encruzilhada, tenha certeza que Hécate está ali olhando por ti e abençoando-o.

Confie! Mas seja sempre sincero e responsável, pois essa deusa não gosta de mentiras!

Abra seu coração e Hécate revelará toda a sua magia, por eras oculta em meio aos mistérios dos conhecimentos.

Gostou do nosso artigo? Comente aqui e compartilhe em suas redes sociais.

Gratidão


Compartilhe!


VT-Post-Vanessa-Ramos

Vanessa Ramos


Praticante de Bruxaria, terapeuta holística, apaixonada por esoterismo. Minha ligação com a espiritualidade trouxe magia à minha vida, na escolha da área profissional e nos hábitos do dia a dia. Adoro ler, escrever e estudar os mistérios ocultos.

terapeuta vanessa ramos

Veja também...

junho 11, 2020

abril 2, 2020

outubro 17, 2018

__CONFIG_colors_palette__{"active_palette":0,"config":{"colors":{"62516":{"name":"Main Accent","parent":-1}},"gradients":[]},"palettes":[{"name":"Default Palette","value":{"colors":{"62516":{"val":"var(--tcb-skin-color-0)"}},"gradients":[]},"original":{"colors":{"62516":{"val":"rgb(19, 114, 211)","hsl":{"h":210,"s":0.83,"l":0.45}}},"gradients":[]}}]}__CONFIG_colors_palette__
__CONFIG_colors_palette__{"active_palette":0,"config":{"colors":{"b4fbe":{"name":"Main Accent","parent":-1}},"gradients":[]},"palettes":[{"name":"Default Palette","value":{"colors":{"b4fbe":{"val":"var(--tcb-skin-color-0)"}},"gradients":[]},"original":{"colors":{"b4fbe":{"val":"rgb(19, 114, 211)","hsl":{"h":210,"s":0.83,"l":0.45}}},"gradients":[]}}]}__CONFIG_colors_palette__
Publicação Anterior
__CONFIG_colors_palette__{"active_palette":0,"config":{"colors":{"b4fbe":{"name":"Main Accent","parent":-1}},"gradients":[]},"palettes":[{"name":"Default Palette","value":{"colors":{"b4fbe":{"val":"var(--tcb-skin-color-0)"}},"gradients":[]},"original":{"colors":{"b4fbe":{"val":"rgb(19, 114, 211)","hsl":{"h":210,"s":0.83,"l":0.45}}},"gradients":[]}}]}__CONFIG_colors_palette__
Próxima Publicação

Deixe seus comentários...

  • Estive em várias religiões, Luterana, Católica, espírita, quadrangular, assembléias de evangélicos, e por último me formei na UDV sendo aprendiz de mestre do chá. Mas meu coração nunca encontrou paz, até que um dia, senti o chamado, a solidão tão comum, a descrença dos da nossa roda de amizades… E comecei a ler até descobrir Hécate, suas histórias e feitiços… Mas eu já tinha um certo conhecimento sobre os elementos ervas, chás e feitiços oriundos da minha mãe que era curandeira e igualmente amada pela natureza e principalmente plantas. Foi aí que comecei a prática e a pesquisa, não me considero um wiccano, mas um filho da Deusa, que pratica de verdade a natureza e a crença pelo seu poder. Curo animais e pessoas pelo poder da reza ancestral ou pelo chá medicinal, depende da necessidade. O mais incrível, é que tudo já está na minha cabeça. Mesmo minha profissão que estudei tanto pra me formar e não usei pra nada, e me tornei o que sempre fui, “Afinal nem todo cozinheiro é bruxo, mas todo bruxo é cozinheiro”.

  • {"email":"Email address invalid","url":"Website address invalid","required":"Required field missing"}
    >